Diretor de Meio Ambiente de Suape denunciado por improbidade administrativa

A Associação Pernambucana de Defesa da Natureza (Aspan) entregou nesta quinta ao Ministério Público Estadual denúncia (veja abaixo) contra diretor de Meio Ambiente do Complexo Industrial e Portuário de Suape, Ricardo Padilha. O texto pede uma Ação Civil Pública por ato de improbidade administrativa. São solicitados o afastamento do engenheiro agrônomo, o pagamento de multas administrativas pelo ato e o ressarcimento, à Suape, de R$ 1,87 milhão. Esse é o valor da multa mais recente aplicada pelo Ibama por Suape não ter replantado 26,8 hectares de mangue e 10,5 de restinga desmatados em 2009 para a ampliação da área do Estaleiro Atlântico Sul, conforme exigia a lei que autorizou a supressão da vegetação nativa. O documento foi entregue à Coordenadoria de Apoia às Promotorias de Meio Ambiente. A assessora de Comunicação e Relações Sociais de Suape, Rosana Valença, informa que Ricardo Padilha está em reunião e não pode comentar o assunto, Ao ministerio publico do estado de pernambuco

Comentarios (0)Add Comment

Escreva seu Comentario
quote
bold
italicize
underline
strike
url
image
quote
quote
smile
wink
laugh
grin
angry
sad
shocked
cool
tongue
kiss
cry
smaller | bigger

busy

Curta nossa página no Facebook