Pedido de vista suspende votação

BRASÍLIA - Um pedido de vista do senador Randolfe Rodrigues (PSOL-AP) suspendeu na quarta (14) a votação da reforma no Código Florestal na CCJ (Comissão de Constituição de Justiça) do Senado. Uma nova votação foi marcada para a semana que vem. O pedido ocorreu depois das alterações realizadas pelo relator do projeto, senador Luiz Henrique (PMDB-SC), há duas semanas. Duas das alterações foram feitas a pedido do governo. Na versão original, o texto previa que os chefes do Poder Executivo federal ou estadual poderiam definir quais atividades estavam autorizas a desmatar em áreas de preservação permanente. Em negociação com a ministra Izabella Teixeira (Meio Ambiente), Luiz Henrique concordou que apenas o presidente da República poderá definir critérios de desmate em áreas de preservação. A outra alteração foi feita em artigo cuja redação, segundo o Ministério do Meio Ambiente, abria a possibilidade de legalizar desmatamentos ilegais mesmo sem que o agricultor aderisse a programas de regularização. Rodrigues e o senador Pedro Taques (PDT-MT) estavam prontos para pedir o veto, afirmando que o texto é inconstitucional por retroceder na proteção às florestas em relação ao código em vigor hoje. Se aprovado em comissões do Senado, o código vai para votação no plenário. A proposta deve voltar à Câmara.

Comentarios (0)Add Comment

Escreva seu Comentario
quote
bold
italicize
underline
strike
url
image
quote
quote
smile
wink
laugh
grin
angry
sad
shocked
cool
tongue
kiss
cry
smaller | bigger

busy

Curta nossa página no Facebook