Lançamento nesta quinta de cartilha sobre invasões biológicas

Nesta quinta, às 16h, na Livraria Cultura (Bairro do Recife), será lançada a cartilha Invasões Biológicas: uma ameaça invisível. A publicação tem o objetivo de alertar e esclarecer o que são e como acontecem as invasões biológicas, mostrando o que pode ser feito a respeito. Uma lista de exemplos de espécies nativas e exóticas ajudará o leitor a identificar quais plantas não devemos disseminar. Para o lançamento da cartilha, que será distribuída gratuitamente, está previsto a apresentação do projeto, exibição de vídeo e relatos de experiências de controle das invasoras em Unidades de Conservação (UCs) do Estado, informa comunicado da Associação para a Proteção da Mata Atlântica do Nordeste (Amane). A publicação é resultado do projeto Invasões biológicas: educação e manejo e foi realizada pela Amane em parceria com Instituto Hórus de Desenvolvimento e Conservação Ambiental, Centro de Pesquisas Ambientais do Nordeste (Cepna) e Conservação Internacional. Contou com o apoio do Fundo Estadual de Meio Ambiente de Pernambuco (Fema), Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas) e Monsanto, prossegue a nota. O projeto tem como objetivo aumentar a resistência de ecossistemas a fatores atuais e futuros de degradação ambiental: mudanças climáticas globais e espécies exóticas invasoras. As áreas selecionadas para atuação do projeto são duas Unidades de Conservação de proteção integral na região Metropolitana do Recife, Estação Ecológica de Caetés, em Paulista, e no Parque Dois Irmãos, em Recife. As atividades estão em andamento, a princípio foram realizados dois planos de ação que definiram as áreas prioritárias para o manejo. Para realizar o controle adequado, 18 técnicos foram capacitados. De acordo com o levantamento realizado nas unidades, foram encontradas 36 espécies vegetais consideradas exóticas e invasoras, entre elas a jaqueira e a mangueira. Apesar de ser comum encontrar essas espécies nas áreas rurais e urbanas na região nordeste, elas devem ser retiradas de unidades de conservação (UC) de proteção integral. Para informar e sensibilizar as comunidades do entorno das UCs, foram realizados dois seminários explicando o que são as invasões biológicas e a problemática que elas acarretam para a biodiversidade. Ainda estão previstos mais dois seminários para apresentar os resultados do projeto e reuniões para incentivar a formação do conselho gestor de cada UC. As invasões biológicas constituem a segunda maior causa de perda de biodiversidade no planeta. Invasões biológicas são processos ocasionados pela introdução acidental ou não de espécies exóticas em um ambiente diferente de sua distribuição natural. Ao longo da história, o ser humano tem redistribuído espécies de plantas e animais pelo mundo, levando sementes, mudas e até animais para locais diferentes da origem deles. Quando uma espécie exótica é colocada num ambiente novo, geralmente não sobrevive, mas, se ela consegue se adaptar, pode se tornar uma espécie invasora e ocupar o luga...

Comentarios (0)Add Comment

Escreva seu Comentario
quote
bold
italicize
underline
strike
url
image
quote
quote
smile
wink
laugh
grin
angry
sad
shocked
cool
tongue
kiss
cry
smaller | bigger

busy

Curta nossa página no Facebook