Tocantins adota sistema estadual de gestão de áreas protegidas

SÃO PAULO - O Estado do Tocantins será o primeiro no Brasil a adotar um sistema online de gestão de seus parques e áreas protegidas. O Estado, que abriga áreas importantes para a preservação do Cerrado, como o Parque Estadual do Jalapão e a Ilha do Bananal, inaugurou na terça-feira (17) um sistema para monitorar itens como a fauna, flora, qualidade da água, regularização fundiária e ajudar na prevenção e combate a queimadas e incêndios. No total, serão gerenciadas as 26 Unidades de Conservação (UCs) localizadas em Tocantins, que juntas correspondem a cerca de 10% de seu território. O sistema de gestão, desenvolvido em parceria com a ONG The Nature Conservancy (TNC), permite que toda a documentação referente à criação das reservas seja consultada online. Além disso, estarão disponíveis as principais pesquisas científicas realizadas sobre as Ucs. Há documentos públicos, pesquisas e informações reunidas ao longo dos últimos 12 anos, quando foram criadas as primeiras áreas de preservação do Estado, diz Alexandre Tadeu de Moraes Rodrigues, presidente do Instituto Natureza de Tocantins (Naturatins), órgão do governo estadual responsável pela gestão dos parques e reservas. Além do banco de dados, a plataforma funcionará também como um sistema de gestão para os administradores das UCs. Será uma ferramenta importante para monitorar a situação das áreas. Se for verificado um foco de incêndio, por exemplo, o sistema mostrará se há brigadistas e equipamentos na área para combater o fogo, explica Henrique Santos, coordenador do Programa de Savanas Centrais da TNC. O sistema pode ser consultado aqui. Por Andrea Vialli (Agência Estado)

Comentarios (0)Add Comment

Escreva seu Comentario
quote
bold
italicize
underline
strike
url
image
quote
quote
smile
wink
laugh
grin
angry
sad
shocked
cool
tongue
kiss
cry
smaller | bigger

busy

Curta nossa página no Facebook