Ministério propõe transformar caatinga em patrimônio do Brasil

FORTALEZA - A Ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, abriu na segunda-feira (25), em Fortaleza, a Semana Nacional do Bioma Caatinga. De acordo com ela, há consenso entre os que militam pela conservação ambiental em favor da aprovação, ainda neste ano, da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que transformará a caatinga e o cerrado em patrimônios nacionais. Essa medida é de fundamental importância para a captação de recursos, visando a um desenvolvimento sustentável dessas regiões em nosso País, afirmou a ministra. O bioma caatinga é o único exclusivamente brasileiro. Corresponde a 850 mil km 2, o que equivale a 11% do território nacional. Nele, residem 27 milhões de pessoas. Além de estar presente nos nove Estados nordestinos, também é encontrado no norte de Minas Gerais. Levantamento feito pelo Ministério do Meio Ambiente mostra que 45% do território da caatinga sofre com desmatamentos. A aprovação da PEC, segundo a ministra, é importante para colocar em prática medidas de conservação do bioma sem prejudicar a população nele residente. O cerrado e a caatinga merecem ser reconhecidos como patrimônios brasileiros, assim como aconteceu com a Mata Atlântica, disse Izabella. Para ela, o momento é propício para que se inove a agenda ambiental. Em junho, o projeto de manejo florestal da caatinga deverá ficar pronto. Na abertura da semana, em alusão ao Dia Nacional da Caatinga comemorado anualmente em 28 de abril, foi entregue a Medalha Ambientalista a Joaquim Feitosa. Na quinta-feira (28), em Brasília, uma audiência pública na Câmara dos Deputados abordará a PEC. Da Agência Estado.

Comentarios (0)Add Comment

Escreva seu Comentario
quote
bold
italicize
underline
strike
url
image
quote
quote
smile
wink
laugh
grin
angry
sad
shocked
cool
tongue
kiss
cry
smaller | bigger

busy

Curta nossa página no Facebook