Dilma está preocupada com a crise no Japão, mas não pretende rever programa nuclear

BRASÍLIA - O ministro da Secretaria Geral da Presidência, Gilberto Carvalho, disse nesta terça-feira que a presidente Dilma Rousseff está extremamente preocupada com a crise no Japão e seus impactos na política nuclear brasileira, mas, ao contrário de países como Alemanha e Suíça, o Brasil não pretende mudá-la agora. - A presidente está extremamente preocupada com os efeitos, inclusive sobre a nossa política, toda essa questão da energia atômica, nuclear. Temos que, com responsabilidade, olhar isso - afirmou o ministro, ponderando, contudo, que ainda faltam elementos para embasar qualquer decisão. Além de uma terceira unidade em Angra, o Brasil tem planos de instalar mais quatro usinas nucleares nos próximos anos. - Estamos ainda observando. Não se sabe ainda a extensão da questão japonesa e só depois de ter uma análise mais profunda se pode pensar nas influências que o evento japonês tem sobre nossa política nuclear - comentou. Fábio Fabrini (Agência Globo)

Comentarios (0)Add Comment

Escreva seu Comentario
quote
bold
italicize
underline
strike
url
image
quote
quote
smile
wink
laugh
grin
angry
sad
shocked
cool
tongue
kiss
cry
smaller | bigger

busy

Curta nossa página no Facebook