Japão pede a Austrália, Nova Zelândia e Holanda para parar Sea Shepherd

TÓQUIO, 18 Fev 2011 (AFP) - O Japão pediu aos embaixadores de Austrália, Nova Zelândia e Holanda que tomem uma atitude diante do grupo de defesa das baleias Sea Shepherd, cuja ação contra os barcos de pesca forçou o governo a anunciar o fim da temporada de caça. É extremamente lamentável que as atividades do Sea Sheperd para obstruir (a caça às baleias) não tenham sido evitadas pelos três países, que permitem o uso de suas bandeiras e portos pelo grupo ambientalista, declarou o ministro das Relações Exteriores japonês, Seiji Maehara. Maehara indicou que seu ministério convidou os três representantes diplomáticos para um encontro, expressando um sentimento de lástima e reiterando fortemente um pedido de impedir as atividades do Sea Shepherd. Na sexta-feira (11), o Japão decidiu suspender sua campanha de caça às baleias na Antártica até o final da atual temporada, devido à dificuldade de se garantir a segurança das tripulações diante do assédio incessante da Sea Shepherd, segundo o ministro da Agricultura e Pesca, Michihiko Kano. Da Agência France Presse. Foto: Greenpeace/Jeremy Sutton-Hibbert

Comentarios (0)Add Comment

Escreva seu Comentario
quote
bold
italicize
underline
strike
url
image
quote
quote
smile
wink
laugh
grin
angry
sad
shocked
cool
tongue
kiss
cry
smaller | bigger

busy

Curta nossa página no Facebook