Marinha negocia mangue com Prefeitura do Recife

Publicado no Jornal do Commercio no dia 22/12/2010. Texto por Cleide Alves, repórter do carderno de Cidades. A Marinha do Brasil recua na decisão de colocar à venda o Parque dos Manguezais, Zona Sul do Recife, e anuncia a revogação do edital de licitação aberto pelo 3 Distrito Naval, com sede em Natal, capital do Rio Grande do Norte. A proposta da instituição era fazer uma permuta com a empresa vencedora da concorrência, que em troca do terreno do manguezal teria de derrubar casas em Natal e construir novas residências para suboficiais e sargentos em Natal, Fortaleza, Maceió e Olinda. Com 320,34 hectares de área, dos quais 225,82 hectares correspondem a mangue, o Parque dos Manguezais ocupa trechos dos bairros do Pina, Boa Viagem e Imbiribeira. Proprietária de quase 70% do terreno, onde mantinha uma estação de comunicação até os anos 90, a Marinha pretendia vender 248 hectares, avaliados em R$ 51 milhões. Argumentava que precisava de moradias e que gastava R$ 200 mil por ano com a manutenção do imóvel sem uso. Quinta-feira passada (16), faltando só cinco dias para a abertura dos envelopes com as propostas apresentadas na licitação, prevista para ontem, o prefeito em exercício do Recife, Milton Coelho, enviou ofício ao vice-almirante Airton Teixeira Pinho Filho, comandante do 3 Distrito Naval, formalizando o interesse do município na área. Milton Coelho também pedia a suspensão da licitação. Anteontem, ele recebeu a resposta por meio do Ofício n 07-57, assinado pelo comandante Airton Teixeira. A Marinha do Brasil acatou o pedido da prefeitura e vai negociar com o município a área do Parque dos Manguezais. É uma notícia excelente para a cidade, comemora o secretário de Meio Ambiente do Recife, Roberto Arrais. No ofício, Milton Coelho ressalta o interesse público do imóvel, onde está projetado um trecho da Via Mangue, obra viária de acesso à Zona Sul. A via interligará a Ponte Paulo Guerra, no Pina, e a Rua Antônio Falcão, em Boa Viagem, contornando a área do Parque dos Manguezais. Além disso, o município já regulamentou o local como Parque Natural Municipal dos Manguezais Josué de Castro, onde é proibida a construção de moradias. Marinha e prefeitura vão discutir o assunto, com intermediação do Ministério Público Federal. A participação do MPF foi solicitada pela Marinha. A instituição destaca, no ofício ao prefeito, que sempre esteve aberta às negociações e que no momento oportuno apresentará as contrapartidas exigidas pela permuta da área. TCE considera nova licitação precipitada Técnicos do Tribunal de Contas do Estado (TCE) afirmaram, ontem, que a Prefeitura do Recife foi imprudente ao republicar o edital de licitação do sistema viário da Via Mangue, corredor expresso proposto para a Zona Sul da cidade, sem que as alterações tivessem sido analisadas pelo órgão. O novo edital foi publicado no Diário Oficial, no último sábado. Um dia antes, a prefeitura encaminhou o material ao TCE e, apesar de não haver tempo hábil para que os esclare...

Comentarios (0)Add Comment

Escreva seu Comentario
quote
bold
italicize
underline
strike
url
image
quote
quote
smile
wink
laugh
grin
angry
sad
shocked
cool
tongue
kiss
cry
smaller | bigger

busy

Curta nossa página no Facebook