Vinte mil novas espécies marinhas

LONDRES - Um censo da vida marinha identificou 20 mil novas espécies, mas 20% dos oceanos continuam inexplorados, segundo um relatório divulgado em Londres após 10 anos de estudos. O censo demonstrou uma profusão inesperada de espécies, um total de 250 mil contra as 230 mil conhecidas até então, afirmam os cientistas envolvidos no projeto. Mesmo após o trabalho que mobilizou 2.700 cientistas de mais de 80 países, ainda há muitas espécies por descobrir, nas zonas que não foram exploradas, mas também nas que áreas que já foram. Os pesquisadores não têm nenhum dado sobre 20% dos oceanos. Podemos lógicamente extrapolar que existe pelo menos um milhão de espécies marinhas, especulam os cientistas. O estudo demonstrou que existem espécies em todas as zonas estudadas, inclusive onde existe pouco oxigênio e pouca luz. Este censo também faz cartografia da vida nos oceanos e destaca os trajetos migratórios das espécies, estabelecidos graças aos satélites e a outros equipamentos eletrônicos. Os dados devem servir de base para avaliar as modificações da vida marinha ligadas à mudança natural e à atividade humana, como a poluição. Grande parte das informações está disponível no site. A publicação do censo faz parte do Ano Internacional da Biodiversidade, decretado pela ONU, e acontece duas semanas antes da reunião sobre a biodiversidade de Nagoya, Japão.

Comentarios (0)Add Comment

Escreva seu Comentario
quote
bold
italicize
underline
strike
url
image
quote
quote
smile
wink
laugh
grin
angry
sad
shocked
cool
tongue
kiss
cry
smaller | bigger

busy

Curta nossa página no Facebook